Tudo sobre veículos motorizados!
Header

image

Parece que desta vez a Lotus fez um carro que dará a Kimi Raikkonen condições de brigar de igual pra igual com as Ferraris e RedBulls. Uma semana depois de vencer o GP da Auatrália, primeiro do ano, o campeão de 2007 fez o melhor tempo dos dois treinos livres desta sexta feira em Sepang.
As duas sessões de treinos foram marcadas por momentos de pista seca e pancadas de chuva, típicas das regiões tropicais. Vettel foi quem mais se aproximou do finlandês e deve dar trabalho na classificação. Massa continua na boa fase e mais uma vez bateu Fernando Alonso.
O treino classificatorio acontece as 5h da manhã deste sábado e a corrida no mesmo horário do domingo. Façam suas apostas.

Tempos desta sexta-feira em Sepang:

1º) Kimi Raikkonen (Lotus), 1min36s569  – 28 voltas
2º) Sebastian Vettel (Red Bull), 1min36s588  – 27 voltas
3º) Felipe Massa (Ferrari), 1min36s661   – 33 voltas
4º) Fernando Alonso (Ferrari), 1min36s985  – 23 voltas
5º) Mark Webber (Ferrari), 1min37s026   -  29 voltas
6º) Romain Grosjean (Lotus), 1min37s206  – 26 voltas
7º) Nico Rosberg (Mercedes), 1min37s448 – 32 voltas
8º) Paul di Resta (Force India), 1min37s571  -  30 voltas
9º) Lewis Hamilton (Mercedes), 1min37s574  – 32 voltas
10º) Adrian Sutil (Force India), 1min37s788  – 10 voltas
11º) Sergio Pérez (McLaren), 1min37s838  – 21 voltas
12º) Jenson Button (McLaren), 1min37s865  – 29 voltas
13º) Nico Hulkenberg (Sauber), 1min38s068  – 31 voltas
14º) Esteban Gutierrez (Sauber), 1min38s645   – 23 voltas
15º) Jean-Eric Vergne (Toro Rosso), 1min38s738  – 31 voltas
16º) Pastor Maldonado (Williams), 1min38s801  – 27 voltas
17º) Daniel Ricciardo (Toro Rosso), 1min38s904  – 31 voltas
18º) Jules Bianchi (Marussia), 1min39s508 hI  – 30 voltas
19º) Valtteri Bottas (Williams), 1min39s660  – 28 voltas
20º) Charles Pic (Caterham), 1min40s757  – 29 voltas
21º) Giedo van der Garde (Caterham), 1min40s768  – 32 voltas
22º) Max Chilton (Marussia), 1min41s438  – 23 voltas

image

O atual campeão  venceu pela segunda vez no GP da Malásia. Assim como em 2010, Vettel foi inalcansável no circuito de Sepang. Largando na pole o alemão da RBR venceu de ponta a ponta. Mas, diferente do ano passado, este GP esteve longe de ser uma corrida chata. Com uma largada excepcional Heidfeld pulou de sexto para segundo e segurou Hamilton atrás de sua Lotus Renault até a primeira parada nos boxes, quando o time o devolveu à pista lá atrás. Porém, com alguns imprevistos sofridos pelos rivais e muita sorte, o substituto de Kubica se redimiu do desastre em Melbourne e acabou em terceiro. Button também se aproveitou do incidente entre Hamilton e Alonso e depois de três paradas, como todos, levou a Mclaren mais uma vez ao segundo lugar no podio. Webber teve uma largada desastrosa caindo de 3° para 10°. Veio ganhando posiҫões e mesmo com problemas no Kers acabou em 4°. Massa largou muito bem pulando na frente de Alonso. Mas a Ferrari conseguiu mais uma vez estragar o que poderia ser uma ótima prova. Por fim o brasileiro deu sorte com o toque do espanhol em Hamilton e terminou em 5°. Não fosse o toque, Alonso teria brigado pelo primeiro pódio dos italianos no ano. Acabou punido, assim como o inglês da Mclaren, com 20 segundos acrescidos ao tempo final. Lewis levou a pior, perdendo uma posiҫão para Kobayashi. Shumacher e Paul di Resta fecharam os 10 primeiros. Pois é, corrida boa é assim, muita coisa pra falar e já falei demais. O resto está descrito sumariamente nos tempos abaixo.
Classificaҫão da prova:
1. Vettel Red Bull-Renault 1h37:39.832
2. Button McLaren-Mercedes + 3.26
3. Heidfeld Renault + 25.075
4. Webber Red Bull-Renault + 26.384
5. Massa Ferrari + 36.958
6. Alonso Ferrari + 37.248 (+ 57.248 sancionado +20 segundos
7. Kobayashi Sauber-Ferrari + 1:07.239
8. Hamilton McLaren-Mercedes + 49.957 (+ 1:09.957, sancionado +20 segundos
9. Schumacher Mercedes + 1:24.896
10. Di Resta Force India-Mercedes + 1:31.563
11. Sutil Force India-Mercedes + 1:45.000
12. Rosberg Mercedes + 1 vuelta
13. Buemi Toro Rosso-Ferrari + 1 vuelta
14. Alguersuari Toro Rosso-Ferrari + 1 vuelta
15. Kovalainen Lotus-Renault + 1 vuelta
16. Glock Virgin-Cosworth + 2 vueltas
17. Petrov Renault + 4 vueltas


Depois dos treinos livres, onde Webber dominou na sexta e Hamilton confirmou a força da McLaren nesta manhâ de sábado em Sepang, a outra Red Bull de Vettel foi que roubou a cena na classificação. Hamilton vinha dominando a pole até a última volta, quando fez um terceiro trecho ruim. O atual campeão se aproveitou da falha do inglês e não perdoou, cravou a pole com um décimo a menos. Webber teve de se contentar com o terceiro lugar, assim como Button, que ficou em quarto. Mas em pior situação está a Ferrari. Alonso com toda sua pompa, não passou de quinto e saiu reclamando. Massa fez o sétimo tempo atrás de Heidfeld, que se recuperou depois do desempenho pífio que apresentou em Melbourne. Petrov vem logo em seguida com a oitava posição, mostrando que o time francês acertou a mão no carro deste ano. Pena que não tem pilotos. Barrichello ficou apenas em 15º e disse que o carro andou pra trás já que estava melhor na Austrália. Por fim, destacar o péssimo desempenho da Hispânia, que apesar dos esforços pra se manter em últimos, conseguiram ficar dentro da margem dos 107% e vão alinhar no grid de Sepang amanhã.
Os tempos:
Q3
1. Sebastian Vettel Red Bull-Renault 1.34,870s
2. Lewis Hamilton McLaren-Mercedes + 0,104
3. Mark Webber Red Bull-Renault + 0,309
4. Jenson Button McLaren-Mercedes + 0,330
5. Fernando Alonso Ferrari + 0,932
6. Nick Heidfeld Renault + 1,254
7. Felipe Massa Ferrari + 1,381
8. Vitaly Petrov Renault + 1,454
9. Nico Rosberg Mercedes + 1,939
10. Kamui Kobayashi Sauber-Ferrari + 1,950
Q2
11. Michael Schumacher Mercedes 1.37,035s
12. Sebastien Buemi Toro Rosso-Ferrari 1.37,160s
13. Jaime Alguersuari Toro Rosso-Ferrari 1.37,347s
14. Paul di Resta Force India-Mercedes 1.37,370s
15. Rubens Barrichello Williams-Cosworth 1.37,496s
16. Sergio Perez Sauber-Ferrari 1.37,528s
17. Adrian Sutil Force India-Mercedes 1.37,593s
Q1
18. Pastor Maldonado Williams-Cosworth 1.38,276s
19. Heikki Kovalainen Lotus-Renault 1.38,645s
20. Jarno Trulli Lotus-Renault 1.38,791s
21. Timo Glock Virgin-Cosworth 1.40,648s
22. Jerome D’Ambrosio Virgin-Cosworth 1.41,001s
23. Tonio Liuzzi HRT-Cosworth 1.41,549s
24. Narain Karthikeyan HRT-Cosworth 1.42,574s


Quem acompanha a Fórmula 1 desde a primeira prova deve ter notado que a Red Bull colocou seus pilotos para apresentar cada circuito. Desta vez, o circuito de Sepang onde acontecerá o GP da Malásia foi destrinchado curva a curva no simulador por Mark Webber. Quem sentir dificuldades com o inglês do australiano tem a opção de assistir a versão em alemão com Vettel, ou espanhol com Alguersuari, ou ainda em francês com Buemi.



Começamos hoje com o GP da Malásia e depois de cada corrida vamos publicar algumas fotos pouco divulgadas dos finais de semana. Serão todas fotos clicadas pela figurinha carimbada nos padocks da Fórmula 1, o fotógrafo Paul-Henri Cahier. Para os que lembram, foi aquele empurrado por Kimi ano passado, por ter esbarrado nos pertences do finlandês, enquanto ele se preparava para entrar no carro, em algum GP que não lembro agora. O mais impressionante é que ele tirou a foto de Raikkonen enquanto caía. Mas agora vamos aos retratos feitos por ele em Sepang 2009:


Aqui uma sequência do embate Kimi x Cahier.

f1
Primeiro dia de atividades em Sepang e surpresa, a Brawn GP não pôs nenhum de seus carros nas duas primeiras posições de nenhuma das duas sessões de treinos livres de hoje. No treino da manhã domínio da Williams, que havia mostrado sua força na Austrália e não nega que tem um carro forte, pois botou Rosberg e Nakajima nas duas primeiras posições, seguidos pelos carro de Button e Barrichello respectivamente. Continuando em duplas, seguiram as Ferraris de Massa e Kimi, para em sétimo aparecer o malandro Lewis Hamilton. Fechando os 10 primeiros as RBRs de Webber e Vettel e a Toyota de Glock. Nelsinho ficou apenas em 14° e Alonso, com uma otite, apenas em 16°. Já na parte da tarde, em Kuala Lumpur, O domínio foi da Ferrari, com Kimi em primeiro e Massa em segundo. Vettel mostrou sua força fechando em terceiro, seguido por Rosberg e Webber. E a Brawn? Apareceu apenas em sexto com Rubinho e sétimo com Jenson seguidos por Nakajima. Kovalainen surgiu em 9° depois de ter amargado a última posição pela manhã, e Nelsinho arranjou o 10° tempo. O malandro terminou em 11°.

Kimi em 1°

Kimi em 1°

Treino da manhã

Treino da manhã

Treino da tarde

Treino da tarde


Resumo da ópera
A Ferrari já começa a se recuperar, mas precisa trabalhar a confiabilidade do carro; a Brawn não é esse bicho papão todo que estão pintando; a Williams tem carro mas não tem piloto; a McLaren tem apenas um piloto, atual campeão do mundo, mas que é malandro e mentiroso, e não tem carro; a Renaut também só tem um piloto, bicampeão, mas o carro tá longe de ser mais ou menos; A RBR parece ter um bom carro, mas tem de um lado um velho e cansado leão de treino e do outro um garoto que mal tirou a carteira; A STR tem o mesmo carro da RBR, mas os pilotos…, um só sabe andar na Indy, o outro tem um nariz maior que o capacete; a Toyota, por incrível que pareça, tem um bom carro e pode surpreender novamente; a BMW está tão apagada que quase não lembrei dela; e a Force India nem nos sonhos de Tony Ramos, tem um carro descente, piloto então nem vou comentar.